Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
    EnglishPortugueseSpanish
Início do conteúdo da página
Inovação

UFR elabora Plano de Gestão de Resíduos Sólidos da prefeitura de Itiquira-MT

Publicado: 14/01/2022 16:28 | Última atualização: 14/01/2022 16:29
blue bird

A Universidade Federal de Rondonópolis (UFR) torna público a versão para análise do relatório técnico do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS) do município de Itiquira (MT). O projeto foi desenvolvido por docentes e discentes do Programa de Pós-Graduação em Gestão e Tecnologia Ambiental (PPG-GTA) da UFR em parceria com a prefeitura do município, por meio de convênio gerido pela Fundação Uniselva com o apoio do Ministério Público do Estado de Mato Grosso.

O Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS) é um instrumento de gestão, definido conforme a Lei nº 12.305/2010, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos. É por meio deste plano que a Administração Pública planeja e coordena a execução de todas as ações relacionadas aos resíduos do município. “Em termos leigos seria o ‘Manual de instruções do que fazer com o lixo’ do Município, explicou o professor Domingos Sávio Barbosa, coordenador do Laboratório de Tecnologia e Gestão Ambiental (LTGA), grupo de pesquisa responsável pela execução do projeto. O professor salientou a importância social do estudo, uma vez que, segundo dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS/MDR), no ano de 2020, dos 141 municípios do Estado de Mato Grosso apenas 20 possuíam um Plano de Resíduos.

Neste plano são definidos, dentre outros aspectos, as responsabilidades de cada gerador de resíduos (público e privado), a maneira como será efetuada a coleta seletiva e para onde serão destinados os resíduos (destinação final). Além disso, a partir deste instrumento os municípios podem planejar a erradicação dos seus lixões, caso existam.

 

Consulta pública e transferência de tecnologia

Dentre os desafios futuros, estão a aprovação pública do Plano e a execução das principais metas previstas para os próximos três anos. Este tipo de projeto permite um alto retorno social das pesquisas desenvolvidas, uma vez que o conhecimento gerado desencadeia ações práticas com benefício direto à sociedade.

Nesta etapa da construção do plano, a prefeitura de Itiquira disponibilizou uma versão para audiência pública em seu sítio eletrônico. Desta forma, todo cidadão poderá ter acesso e consultar o conteúdo do relatório por meio deste endereço.

A execução do relatório é resultado das pesquisas, levantamentos e análise empreendidos pelo Laboratório de Tecnologia e Gestão Ambiental (LTGA) da UFR, que há mais de dez anos desenvolve e transfere conhecimento em tecnologia ambiental com vistas ao fortalecimento social público e privado. O objetivo do grupo é manter a geração de informações científicas e promover a  transferência tecnológica de conhecimentos adquirido pela experiência (know-how) para os agentes públicos executarem as ações.

De acordo com o professor Domingos, “[…] as decisões de gestão tomadas com base científica, têm demonstrado serem as mais eficazes ao setor Público do país”, sendo que “[…] a Universidade é o cenário ideal para o desenvolvimento de tecnologias (que teriam alto custo para órgãos como Prefeituras e Pequenas empresas), uma vez que os riscos financeiros destas ações são diluídos no processo de ensino associado às pesquisas”.

O Laboratório de Tecnologia e Gestão Ambiental (LTGA) da UFR está à disposição para oferecer mais informações a respeito deste e outros projeto. Para contatá-lo, basta enviar uma mensagem para o contato domingos@ufr.edu.br. A Universidade Federal de Rondonópolis está atenta e disponível para futuras parcerias de Transferência de Tecnologia. Para conhecer as modalidades de serviço exercidos pela instituição é possível entrar em contato com a Secretaria de Inovação e Empreendedorismo (SIE) da UFR pelo e-mail inovacao@ufr.edu.br ou telefone (66) 3410-4194.

 

Fim do conteúdo da página