Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
Institucional

UFR celebra o Dia internacional das mulheres e meninas na ciência

Publicado: 11/02/2021 19:53 | Última atualização: 11/02/2021 20:00
blue bird

Desde 2015, no dia 11 de fevereiro, comemora-se o Dia internacional das mulheres e meninas na ciência. Em celebração a essa data, a Pró-Reitoria de Ensino de Pós-graduação, Pesquisa e Inovação Tecnológica (PROPPIT) torna público o número de mulheres envolvidas na liderança de projetos de pesquisa, discentes participantes da iniciação científica e bolsistas de produtividade em pesquisa da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR).

De acordo com os dados da PROPPIT, existem 223 projetos de pesquisa cadastrados na instituição, sendo 45% deles coordenados por mulheres. Entre bolsistas de produtividade em pesquisa, temos a participação de 29% de mulheres. Já na iniciação científica, as mulheres correspondem a maioria (57%) do total de discentes envolvidos nas diferentes modalidades de IC. Veja o banner no final da notícia para mais detalhes.

Nesta data tão importante para a promoção da equidade nas ciências, a PROPPIT parabeniza todas as mulheres (coordenadoras de projeto, discentes de iniciação cientifica e discentes de Pós-graduação) pela dedicação e esforço para o avanço da ciência dentro da instituição. A Pró-Reitoria de Ensino de Pós-graduação, Pesquisa e Inovação Tecnológica é liderada por uma dessas mulheres, a professora Edna Maria Bonfim-Silva, que em celebração a este dia especial concedeu um depoimento a respeito do espaço que ocupa enquanto professora, cientista e pró-reitora da UFR:

“Como mulher e pesquisadora, me sinto lisonjeada por poder contribuir como a primeira Pró-Reitora de Ensino de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação Tecnológica da UFR e assim poder participar com todo o empenho para o desenvolvimento da pesquisa na instituição. Sou envolvida na pesquisa desde a graduação como bolsista de iniciação científica (PIBIC) e hoje tenho a honra de compor o quadro de bolsistas de Produtividade em Pesquisa (PQ) no CNPq. É um momento muito relevante da instituição e sou grata por fazer parte do time de mulheres que lideram essa empreitada. A competência, dedicação, persistência e resiliência são características das mulheres que se dedicam a pesquisa. As pesquisadoras lutam diariamente pela igualdade de gênero na carreira e vem ganhando espaço ao longo dos anos. Parabéns a todas mulheres e meninas cientistas!”

A reitoria da Universidade Federal de Rondonópolis também é representada por uma mulher, a reitora e professora Analy Castilho Polizel de Souza, que deixa uma mensagem de agradecimento e incentivo pela colaboração conjunta no fortalecimento da universidade. De acordo com a reitora, “nesses dias de possibilidades e incertezas em que a esperança reside em nossa capacidade de sermos melhores a cada dia, refletir sobres as muitas mulheres cuja dedicação tem contribuído para o desenvolvimento e fortalecimento da pesquisa e da inovação, traz-nos um momento de profunda inspiração sobre a força transformadora das mulheres na construção de estruturas sociais de um país mais fraterno e próspero. A todas as mulheres minha gratidão por contribuir diretamente com o desenvolvimento científico e tecnológico da nossa instituição. Parabéns a todas!”

 

Fim do conteúdo da página