Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
Institucional

Professores são contemplados por produtividade em pesquisa

Publicado: 09/03/2020 16:55 | Última atualização: 09/03/2020 17:01
blue bird

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) divulgou, na última sexta-feira (06), o resultado final da chamada nº 06/2019 de Bolsas de Produtividade em Pesquisa. Entre os 19 pesquisadores contemplados pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), 5 são do Câmpus Universitário de Rondonópolis (agora Universidade Federal de Rondonópolis – UFR). Os professores contemplados estão vinculados ao Instituto de Ciências Agrárias e Tecnológicas (ICAT):

 

Annaiza Braga Bignardi – Zootecnia (bolsa nova)
Edicarlos Damacena de Souza – Zootecnia (bolsa nova)
Edna Maria Bonfim da Silva – Engenharia Agrícola e Ambiental (renovação)
Mário Luiz Santana Júnior- Zootecnia  (bolsa nova);
Tonny José Araújo da Silva – Engenharia Agrícola e Ambiental (renovação)

 

Com o resultado desta chamada a UFR amplia o quadro de 3 para 6 bolsistas nessa modalidade.  Além dos pesquisadores mencionados acima, o professor Leandro Pereira Pacheco (Engenharia Agrícola e Ambiental) também é bolsista em Produtividade em Pesquisa com bolsa em andamento contemplado em chamada anterior.

As chamadas de Bolsa de Produtividade em Pesquisa do CNPq são realizadas anualmente e tem como objetivo valorizar pesquisadores que possuam produção científica, tecnológica e de inovação de destaque em suas respectivas áreas do conhecimento, incentivando o aumento da produção científica, tecnológica e de inovação de qualidade. O resultado completo da  chamada nº 06/2019 de Bolsas de Produtividade em Pesquisa pode ser acessado por meio deste endereço eletrônico

Os proponentes disputaram as bolsas com pesquisadores de todo o Brasil. Conforme a Chamada Pública nº 06/2019 , os critérios de julgamento e classificação das propostas são o mérito científico, originalidade e relevância do projeto para o desenvolvimento científico do país; a repercussão e caráter inovador da produção científica, tecnológica, acadêmica ou artística do proponente; sua atuação na formação de recursos humanos; e inserção em âmbitos nacional e internacional.

Fim do conteúdo da página